Notícias

Dica da Bimeda: Como melhorar os índices de reprodução das fêmeas

blog

 Soluções ajudam o produtor a atingir a eficiência reprodutiva na estação de monta

A estação de monta (EM) é um tipo de manejo reprodutivo no qual as fêmeas em reprodução são expostas ao touro ou à inseminação artificial durante um determinado período do ano, com o objetivo de concentrar os partos e, consequentemente, as operações, como desmama, vermifugações, vacinações, entre outras.

A adoção da prática da estação de monta possibilita a identificação de fêmeas com melhor desempenho reprodutivo, sendo que as vacas que dão à luz no início da estação de partos normalmente ficam prenhas mais cedo dentro da EM, além de desmamarem bezerros de maior peso.

Alguns pontos devem ser considerados para o estabelecimento da estação de monta: período de disponibilidade de forragens de melhor qualidade (estação das chuvas); período de nascimento dos bezerros favorável; fertilidade dos touros ou do sêmen bovino, para que não haja comprometimento nas taxas de prenhez; condição ginecológica das fêmeas antes de entrarem na EM e estratégias de manejo para aumentar a eficácia do processo reprodutivo.

O tempo máximo recomendado para o período de monta é de 120 dias. Caso seja avaliado que esse período foi insuficiente, é possível concluir que há, possivelmente, alguma deficiência no sistema, como baixos índices de fertilidade dos touros (ou das matrizes), subnutrição, ou manejo inadequado.

Soluções Bimeda melhorando o índice reprodutivo

As vacas de corte passam por quatro diferentes fases produtivas ao longo do ano: pós-parto, gestação e lactação, meio da gestação e pré-parto. O período de gestação e lactação começa logo após a época da parição. Essa fase, normalmente, coincide com a estação quente, na qual a forragem cresce de forma rápida e apresenta boa qualidade, gerando condições para que as vacas possam conceber novamente.

Se o pecuarista está à procura de produtos que possam ser utilizados em diferentes protocolos de sincronização de cio e de Inseminação Artificial em Tempo Fixo (IATF), a Bimeda tem as soluções ideais.

O Sincroben é um produto que age como sincronizador de desenvolvimento folicular e indutor de ovulação em bovinos e tem como principal ingrediente é o benzoato de estradiol. O Sincroben também é benéfico quando o assunto é melhorar os índices de reprodução na fazenda e passar o controle do manejo reprodutivo para as mãos do pecuarista.

Já o Clocio é uma solução que atua como agente luteolítico, agindo na lise do corpo lúteo e reduzindo a produção de progesterona nas vacas e novilhas.

A Bimeda conta, ainda, com o Biprogest, implante de progesterona a 1.25% de liberação lenta, que tem a função de bloquear cio e ovulação nos protocolos reprodutivos.

No site da Bimeda, você encontra a ficha técnica destes e de todos os produtos do portfólio de soluções para saúde animal da empresa.

Atenção no nascimento do bezerro reflete no desenv...

By accepting you will be accessing a service provided by a third-party external to https://www.bimeda.com.br/